DESCUBRA UMA NOVA FORMA DE VIAJAR O MUNDO ATRAVÉS DO WORK EXCHANGE. ECONOMIZE E AGREGUE EXPERIÊNCIAS RICAS NA SUA BAGAGEM.

Como transcendi os meus medos para viver a vida que sempre sonhei

Muitas vezes, ouvimos casos de pessoas que estavam cansadas daquela mesma rotina morna, de acordar todos os dias e ter exatamente mais do mesmo, de viverem apenas para satisfazer o sonho dos outros, e por conta disso resolveram levantar de suas cadeiras e fazer alguma coisa antes de serem mais um na estatística dos que sofrem de depressão crônica.

Mas, analisando assim, tudo parece não passar de um mundo bem distante da nossa realidade, pois o medo do que será no dia de amanhã, a insegurança de não saber se haverá dinheiro suficiente na conta para as despesas mensais, e a resistência ao NOVO nos assombram de tal maneira, que acabamos estagnadas no que podemos chamar de ilusão da nossa zona de conforto.

Acabamos nos esquecendo que as estradas que ainda não foram desbravadas levam mais tempo para serem trilhadas, pois para que seja possível seguir, é necessário um grande esforço para tirar os obstáculos de nossos caminhos. É preciso matar muitos leões diários, passar por cima de perguntas sem respostas, se acostumar com menos horas de sono, e ainda ter nossos sonhos invadidos por esses mesmos leões enquanto dormimos.

Tenho relatado aqui no blog, experiências próprias sobre como foi o meu processo de mudança de vida, e confesso que às vezes me pego refletindo se tudo o que fiz e tenho feito é mesmo uma realidade, ou se eu enlouqueci de vez e só eu não sei. Mas, pirações de lado, a verdade é que SIM, é possível começar de novo, não importa idade, status, condição ou o que seja, pois o que realmente nos impede não é nenhum desses fatores citados, mas sim um sentimento chamado MEDO.

Sei o quanto é difícil passar por cima de tudo isso, e uma coisa que me ajudou muito foram os meus ídolos. Pessoas nas quais eu me inspiro e que me ajudaram a me mostrar uma luz no fim do túnel, através de experiências, palavras, vídeos ou textos. Quando temos alguém que nos inspira fazendo parte de nossas vidas, mesmo sem conhecê-los, acabamos sendo “empurrados” a acreditar que a realização de qualquer sonho é possível. Afinal, eles conseguiram!

Pensando nisso, eu decidi compartilhar aqui relatos de pessoas que mudaram suas vidas, largaram seus empregos para irem atrás de um sonho, e que hoje vivem com um sorriso no rosto e com a sensação de missão cumprida. Uma delas é a Mariana, minha professora de inglês e também coach, que hoje trabalha de qualquer lugar do mundo apenas com seu computador embaixo do braço, e que sem dúvida foi uma das responsáveis por influenciarem na minha transição. A outra é a Bruna, minha prima de coração, fanática por animais, que hoje tem sete negócios próprios, (isso mesmo, SETE) e que consegue fazer do jardim de sua casa o seu escritório.

São pessoas comum, como eu ou você, que viviam uma vida normal, com um emprego de segunda a sexta e um bom salário, mas que ansiavam por algo em comum: A SEDE PELA LIBERDADE!

Texto de Mariana Pimenta:

Fui empresária quase minha vida toda e quando eu conseguia viajar, era por no máximo duas semanas, estava cansada do trabalho e queria aproveitar tudo de uma vez. Às vezes, eu tinha vontade de ficar, de experimentar mais, mas não podia. Tinha que voltar para trabalhar. Eu pensava se poderia encontrar um trabalho lá, naquela cidade ou pais, e isso só me parecia possível se eu fizesse um mestrado ou trabalhasse numa multinacional que me transferisse para lá, porém as chances eram pequenas.

11925693_10153756602164384_490829475_n

Na época, eu trabalhava para uma multinacional, porém me sentia desperdiçada pois todas as tentativas que eu fazia para traçar um plano de carreira lá dentro haviam fracassado. Eu não conseguia enxergar um crescimento profissional e acabava olhando para o relógio, doida para chegar a hora de ir embora.

Eu sonhava em poder trabalhar de onde eu estivesse, mas naquele momento nem imaginava que isso seria possível. Quando estamos numa situação difícil, nos sentindo presos, simplesmente não conseguimos enxergar o lado de lá do nó que está bloqueando a nossa estrada.

Até que cheguei no meu limite e resolvi contratar um coach para me ajudar na transição da minha carreira, através de sessões de coaching. Eu tracei junto com ele um plano de ação para sair de onde eu estava e começar a me dedicar a algum projeto que me fizesse sentir útil, feliz e estivesse aliado aos meus valores, e um deles era a  liberdade.

No meu plano de ação, eu inclui alguns gurus. Eles são imprescindíveis num processo de transição de carreira. Um deles era o presidente de uma das mais renomadas multinacionais de Coaching do mundo. Consegui falar com ele, e tive a indicação de uma escola em Vancouver, Canada. Eu já era formada em Direito, tinha um MBA mas sentia que precisava de um certificado internacional de uma escola renomada de Coaching para atingir meus objetivos.

No momento certo, saí da empresa onde eu estava e fui para o Canada! Depois de três meses, quando voltei ao Brasil, minha cabeça já não era mais a mesma. A idéia de ir trabalhar numa empresa tradicional já tinha ido para os ares. Eu havia aprendido a trabalhar online e ofereci aos meus alunos de inglês essa opção.

Eu dava aulas nas minhas horas vagas como uma fonte de receita extra. Eles adoraram a sessão online. Foi quando resolvi arriscar. Ainda não tinha clientes de coaching naquela época mas com o boca a boca, a network e a experiência em vendas que eu já tinha, em pouco tempo, cheguei no meu limite de agenda. Agora, já estou entrando numa segunda fase, com projetos de vídeos que me permitem ter ainda mais liberdade.



Booking.com

PSX_20150821_121924Desde que comecei a trabalhar remotamente, morei em Montreal, Vancouver, Orlando, Miami, Barcelona, Tailândia e Bali. Já defini que Barcelona será minha nova base. Preciso ter um lugar que chamo de “casa”, então vou, viajo uns meses trabalhando de outros cantos e volto para BCN entre uma viagem e outra.

Eu ajudo profissionais a fazerem uma transição em suas carreiras ou a melhorarem os resultados no que já fazem. Ensino inglês com técnicas de coaching e treino pessoas que querem trabalhar online mas não sabem como. Seleciono meus clientes, vibro com as conquistas deles mais que eles mesmos, as vezes.

Para quem se identificou com a minha estória e quer fazer uma transição, eu sugiro traçar um plano de ação, no papel, com ações que devam ser tomadas e datas. Se puder, contrate um coach com boa formação, experiência e referências pois ele é treinado para ajudá-lo e motivá-lo nesse processo que não é fácil. O compromisso com o coach é igual com o personal trainer. Se você não paga um personal, você não vai além do seu limite e não acorda as 6 da manhã para ir malhar, enrola e os resultados não vem. Como você está investindo no trabalho, você dá mais valor e faz a sua parte.

O mais importante é não desistir dos seus sonhos e acreditar que tudo que você realmente quer, você consegue, independente do tamanho do “nó” que esta na sua frente. É só traçar um plano de ação e pagar o preço!

Leia mais sobre como traçar suas metas aqui nesse post

Saiba mais sobre a Mariana e os serviços que ela oferece em seu website: Maxi Coaching

Texto de Bruna Morales:

Sou daquele tipo de pessoa que faz 1001 coisas ao mesmo tempo, “tudo junto misturado” sabe?

Acho que essa minha hiperatividade foi o que ajudou a me formar nas faculdades de Medicina Veterinária (integral) e Propaganda e MKT (noturno) ao mesmo tempo.

Eu trabalhava que nem uma louca, me dedicava ao máximo, fazia todas as horas extras possíveis e inimagináveis, pesquisava absolutamente tudo que eu não tivesse conhecimento na minha área, virava noites trabalhando, e ao sair do trabalho já emendava para cursos, especializações, pós graduação, MBA, ou eventos e jantares corporativos.

11798098_10153363448846760_577556001_n

Isso realmente me fazia muito feliz, pois era exatamente o que eu queria naquele momento da minha vida: crescer profissionalmente dentro de uma empresa.

Mas, os anos foram se passando e eu comecei a mudar o meu pensamento. Eu amava o trabalho que realizava, mas viver presa em um escritório, com horários controlados, e ter jogo de cintura para aguentar o “BBB” corporativo não era mais para mim. Então, naquele momento, eu percebi que meus objetivos de vida haviam mudado totalmente.

Eu queria me dedicar para algo que fosse meu, ser dona do meu tempo, do meu negócio, poder trabalhar de onde eu quisesse, fazer algo que me realizasse profissionalmente e que me deixasse feliz.

Tomar a decisão de largar tudo e se jogar no mundo para tentar a sorte é complicado quando você é uma pessoa que sempre trabalhou para uma empresa, e teve uma estabilidade financeira. Todas as vezes que eu pensava em seguir os meus sonhos, eu também pensava nas contas que eu tinha para pagar, e então vinha o medo das coisas não darem certo.

Eu tinha que decidir, correr ou não atrás da minha felicidade, do que eu realmente queria para minha vida naquele momento, e sabia que não seria fácil, que eu não teria muito dinheiro para me manter, pois eu tinha acabado de me casar.

Então eu coloquei “a cara no mundo”, e comecei a me dedicar totalmente para os meus negócios, afinal, eu tinha que fazer com que eles dessem certo para conseguir atingir meus objetivos.

Fiquei sem grana e passei por muitos “perrengues”. Confesso que muitas vezes eu pensei em desistir, cheguei até a ir atrás de emprego novamente, mas alguma coisa me dizia: Brubs, não desista dos seus sonhos, continue lutando pela sua felicidade!

Comecei a trabalhar das 8:00h as 2:00h – 3:00h da manhã todos os dias, isso quando não virava a noite trabalhando. Comia na frente do computador, e só levantava para ir ao banheiro.
11798381_10153363408611760_1007418586_n

Foi uma fase estressante e desgastante, mas acredito que foi uma etapa extremamente necessária para a minha vida, que fez com que eu enxergasse o mundo e as coisas de outra maneira.

Aprendi a valorizar muita coisa, e aprendi que a cada tombo tomado, eu teria que ter forças para levantar sozinha e lutar novamente, e hoje vejo que as coisas começaram a caminhar realmente como eu gostaria.

O mais maravilhoso e o que realmente importa, é que hoje sou dona do meu horário, continuo trabalhando muito e continuo virando noites, mas eu faço a minha rotina, de onde eu quero, e tenho o privilegio de trabalhar apenas com quem eu gosto.

Mudei para uma casa no Interior de SP como eu sempre sonhei e montei um escritório no jardim da minha casa, para poder trabalhar alguns dias de “pijamão” admirando uma vista linda e rodeada pelos meus animais, que são a minha paixão.

Com muito trabalho, consegui fazer dar certo a B2back, que é uma agência de Marketing, Comunicação e Eventos.

Montei algumas lojas online, a Brubstore de Bijuterias, a Festas & Enfeites de Artigos para Festas, e Grandforma de Suplementos Alimentares.

Montei a Animal Natural uma empresa de Alimentação Natural para animais. Eu sempre quis fazer algo que promovesse o bem estar e saúde dos animais, então essa foi uma grande conquista para mim.

Tenho também lojas da Empório do Aço nos shoppings de São José dos Campos.

E consegui me dedicar ao meu projeto pessoal, o Blog Nosso Estilo de Vida, que fala sobre entretenimento em geral e que vem dando super certo.

11749846_10153363390131760_1220838607_nCertamente eu ainda não conquistei tudo o que gostaria. Um deles é ampliar meu jardim para adotar cachorros e outros animais. Além disso, quero montar um projeto social envolvendo crianças especiais e animais abandonados, ter muitos filhos, e poder me dar ao luxo de trabalhar e acompanhar o crescimento deles de perto.

Acho que se eu conseguir realizar todos esses sonhos, eu vou ser uma pessoa “irritantemente” feliz!

“Toda vez que você se encontrar do lado da maioria, é hora de parar e refletir”

MARK TWAIN

Post Author
Amanda Barbosa

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram

Por Uma Vida Mais Rica ☆Se reinventando na maneira de viajar o mundo. Colaboração + tecnologia = experiências ricas (e econômicas)☆by Amanda Barbosa 👻Snapchat: vidamaisrica

Siga-me no Instagram