DESCUBRA UMA NOVA FORMA DE VIAJAR O MUNDO ATRAVÉS DO WORK EXCHANGE. ECONOMIZE E AGREGUE EXPERIÊNCIAS RICAS NA SUA BAGAGEM.

As 5 estratégias que usei para descobrir o meu propósito e mudar de vida

E então você pensa todos os dias no seu plano B. Acorda desejando que tudo aquilo não passe de um pesadelo, pois a sua rotina e o seu trabalho não te trazem satisfação…. e aí, quando chega o fim de semana, você sai querendo fazer todas as coisas que realmente te dão prazer, e antes mesmo dele acabar, você já começa a lembrar que a semana está prestes a iniciar com mais do mesmo: stress, falta de motivação, e o principal: um vazio enorme dentro de si.

Segundo pesquisas, 72% das pessoas, estão insatisfeitas com a vida que levam atualmente, mas pior do que isso, é o fato de que a grande maioria dessa estatística, não sabe como conseguiria mudar essa realidade, já que muitos passaram anos se especializando para exercer determinada profissão, e acreditam que não têm capacidade para fazer outra coisa, outros se julgam muito velhos para uma mudança, e uma outra boa parte vai empurrando tudo com a barriga, por puro medo de fracassar.

Ponte Vecchio, Florença - Itália
Ponte Vecchio, Florença – Itália

E aí tudo segue como está, já que essas mesmas pessoas preferem fechar os olhos, ao invés de passar por cima de tantos pré-julgamentos e dúvidas, que só acabam afastando o ser humano da busca pelo seu verdadeiro propósito de vida, e consequentemente da felicidade.

A verdade é que não existe milagre, meditação, reza ou simpatia que irão fazer com que a sua ou a minha vida se torne tudo aquilo que gostaríamos que ela fosse. Em outras palavras, não adianta desejar uma mudança, se você continua fazendo tudo igual. A primeira coisa que você precisa fazer, é deixar de lado aquela tal pergunta sem resposta: “mas e se não der certo?” E então eu te desafio e pergunto: e se der certo?

Vou te contar uma história rápida: durante pelo menos 12 anos da minha vida, eu vivi todos esses momentos que citei acima. Já tive empregos desde vendedora de loja e hostess de balada, até cargos de confiança em empresas, e a cada evolução profissional, eu me sentia menos realizada. A minha falta de motivação não era a quantidade de horas que eu trabalhava diariamente ou o salário que não correspondia às minhas expectativas… o que acontecia na realidade, era a ausência de amor pelo que eu fazia.

E foi depois de assistir um desses vídeos virais compartilhados no Facebook, que eu resolvi parar, refletir e reavaliar se a vida que eu tinha, era o que eu realmente queria pra mim nos próximos anos. Foi então que tomei a decisão de mudar tudo. Para quem quiser, assistir, aqui está ele:

Há apenas um ano, aos 31 anos de idade, eu finalmente consegui ter a clareza daquilo que fazia o meu coração bater mais forte e o que me movia de verdade. Descobri que o meu propósito estava totalmente vinculado à minha realização profissional, que é usar o meu poder de comunicação para disseminar e compartilhar conhecimentos, aprendizados e experiências pessoais.

IMG_5387
Camden Town, Londres

A jornada foi e ainda continua longa, já que para colocar os meus sonhos e projetos em prática, eu precisei me adaptar a um novo estilo de vida, que resultou em abdicar de fazer programas com amigos, reduzir drasticamente gastos mensais, e a trabalhar o dobro de horas diárias, se comparado ao meu emprego anterior (e muitas vezes de graça).

Mas, nesse um ano de caminhada, eu posso afirmar com toda a certeza desse mundo, que eu não trocaria a vida que tenho hoje por NADA, e você quer saber o porquê? Porque eu amo o que faço!

E como forma de retribuir a minha gratidão às pessoas que ma auxiliaram na época em que eu buscava respostas, eu compartilho aqui com você, todas as estratégias que me ajudaram a ir em busca da minha tão sonhada mudança de vida. Aqui estão elas:

1. Anote tudo o que vier à sua cabeça

Pense se de fato não existe absolutamente nada que você sinta prazer em fazer. Pode ser um hobby ou algo que você não saiba muito bem como poderia transformar em profissão. Escreva sobre algumas possibilidades em um caderno, mesmo que não estejam claras. Muitas vezes, só depois que começamos a materializar algo (nesse caso, escrevendo), é que conseguimos enxergar outras oportunidades, que antes estavam completamente fora de nosso campo de visão.

2. Faça coisas que você nunca tenha feito antes

Fazer coisas que te tirem da sua zona de conforto, ajudam a treinar e preparar sua mente para perder o medo do desconhecido. Exemplo: encare pessoas na rua ou no shopping, faça uma viagem sozinho (caso nunca tenha feito uma antes), puxe papo com a pessoa do seu lado no metrô, salte de para-quedasessa é uma dica valiosíssima dada por pessoas bem sucedidas.

3. Tenha ídolos

Já ouviu aquela expressão: você é a média das 5 pessoas que você anda? Então… siga pessoas nas redes sociais ou onde você mais preferir (livros, revistas, jornais, etc), que estejam alinhadas com aquilo que você está buscando. Sempre haverá alguma palavra que você ouviu ou uma frase que leu, que ajudará a acender uma luz, e a encontrar o caminho certo. Conecte-se com o aquilo que faça sentido para você.

4. Tire um tempo para você

Se você tiver oportunidade, faça uma pausa em tudo e vá viajar para um lugar que você nunca tenha ido. Quando estamos imersos em uma situação, fica muito difícil conseguir olhá-la de fora, já que tudo anda no piloto automático e a correria do dia a dia não nos dá a oportunidade de parar e analisar se aquela é realmente a vida que queremos de verdade. Você perceberá o seu momento atual de uma outra maneira e se dará a chance de abrir a sua cabeça para novas idéias.

5. Liberte-se de sua própria cobrança

Passe por cima daquelas crenças limitantes, que de tanto ouvir durante uma vida inteira, insistem em martelar na sua cabeça até os dias de hoje. Como por exemplo: “você precisa ter um diploma de doutor se quiser ser alguém” ou “você tem que trabalhar com o que dá dinheiro (e não com o que te realiza)” . Fica muito difícil ser um profissional brilhante se você não fizer o seu trabalho com o brilho nos olhos. Então, caia fora desse ciclo viciado.

Além de todos esses tópicos que mencionei acima, existe uma pessoa que me influenciou muito na minha tomada de decisão. O nome dela é Mariana Pimenta, ela é coach e ajuda profissionais a fazerem uma transição em suas carreiras, ou a melhorarem os resultados no que já fazem. Além disso, ela também treina pessoas que querem trabalhar online mas não sabem como. Recomendo que faça uma sessão (grátis) para entender tamanha competência dela. Saiba mais no website: Maxi Career Coaching.

Não espere o momento certo, pois ele nunca vai chegar. A caminhada poderá será longa, mas a recompensa é imensurável!

Post Author
Amanda Barbosa

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram

Por Uma Vida Mais Rica ☆Se reinventando na maneira de viajar o mundo. Colaboração + tecnologia = experiências ricas (e econômicas)☆by Amanda Barbosa 👻Snapchat: vidamaisrica

Siga-me no Instagram